MENU

sábado, 23 de julho de 2011

frágeis gotas

with 2 comentários

Uma palavra de esperança a alguém que está à beira do abismo. Um sorriso gentil a quem perdeu o sentido da vida. Uma pequena gentileza diante de quem está preso nas armadilhas da ira. O silêncio, frente à ignorância disfarçada de ciência... A tolerância com quem perdeu o equilíbrio. Um olhar de ternura para quem pena na amargura. Pode-se dizer que tudo isso são apenas gotas d`água que se perdem no imenso oceano, mas são essas pequenas gotas que fazem a diferença para quem as recebe. Sem as atitudes, aparentemente insignificantes, que dentro da nossa pequenez conseguimos realizar, a humanidade seria triste e a vida perderia o sentido. Um abraço afetuoso, nos momentos em que a dor nos visita a alma... Um olhar compassivo, quando nos extraviamos do caminho reto... Um incentivo sincero de alguém que deseja nos ver feliz, quando pensamos que o fracasso seria inevitável... Todas essas são atitudes que embelezam a vida. E, se um dia alguém lhe disser que esses pequenos gestos são como gotas d`água no oceano, responda, como madre Tereza de Calcutá, que sem essa gota o oceano de amor seria menor. E tenha certeza disso, pois as coisas grandiosas são compostas de minúsculas partículas. Pense nisso! Sem a sua quota de honestidade, o oceano da nobreza seria menor. Sem as gotas de sua sinceridade, o mar das virtudes seria menor. Sem o seu contributo de caridade, o universo do amor fraternal seria consideravelmente menor. Pense nisso! E jamais acredite naqueles que desconhecem a importância de um pequeno tijolo na construção de um edifício. Lembre-se da minúscula gota d`água, que delicadamente se equilibra na ponta do raminho, só para tornar a natureza mais bela e mais romântica, à espera de alguém que a possa contemplar. E, por fim, jamais esqueça que são essas mesmas pequenas e frágeis gotas d`água que, com insistência e perseverança conseguem esculpir a mais sólida rocha.

2 comentários:

  1. Lúcia Soares disse...

    olá muito linda reflexão, um grande abraço

  2. Abnaias disse...

    1ª VIAGEM MISSIONÁRIA

    Missionario Abnaias Durães
    Cel: (74) 9966-3738
    Igreja Presbiteriana do Brasil-Irecê-Ba
    Pr.Rev.Cairo Mendonça.

    Missionário Josafá Leite
    Cel: (74) 9974-6769
    Assembléia de Deus-Lapão-Ba
    Pr.Sandoval Reis.

    Saímos de Irecê no dia 18 (segunda-feira) de Julho de 2011.
    Nos povoados do município de Itaguaçú da Bahia.
    Encerramos a missão no dia no dia 22 (sexta-feira) de Julho de 2011.
    Povoados de:
    Toco Preto
    Faz.Almas
    Melancia
    Jacarezinho
    Transamazônica
    Missão
    Baixa Funda
    São João
    Encoso
    Muquem
    Pau Seco
    Nova Vereda
    Acampamos pela primeira vez (segunda-feira:18/06/2011) no povoado de Toco Preto na fazenda de Valmir e Fátima um casal que aceitaram Jesus como Senhor!Eles nos forneceram tudo que precisamos.Queriam que a gente dormissem dentro da casa deles,mas nos dormimos nas nossas barracas.
    Acampamos pela segunda vez (terça-feira:19/06/2011) no povoado Missão.Acampamos á beira do Rio Verde onde armamos nossas barracas e fizemos uma fogueira onde fizemos nossa janta.Oramos,louvamos a Deus,e contamos as
    maravilhas de Deus.Fomos renovados espiritualmente.Foi uma benção!
    Acampamos pela terceira vez (quarta-feira:20/06/2011) no povoado de Muquem na fazenda de Guilherme á beira do rio onde armamos nossas barracas e fizemos uma fogueira onde fizemos nossa janta.Oramos,louvamos a Deus,e contamos as maravilhas de Deus.Fomos renovados espiritualmente.Foi uma benção!
    Acampamos pela quarta vez (quinta-feira:21/06/2011) no povoado de Maravilha na fazenda de Jose Dia um irmão da Presbiteriana, á beira do rio onde armamos nossas barracas e fizemos uma fogueira onde fizemos nossa janta.Oramos,louvamos a Deus,e contamos as maravilhas de Deus.Fomos renovados espiritualmente.Foi uma benção!
    Encerramos a missão e retornamos á Irece as 4.40 hs da tarde de Sexta-feira com o coração rejubilando de alegria por termos evangelizados 124 almas que receberam a Jesus como Senhor!

Postar um comentário

Obrigado pelo comentário. Volte sempre!