MENU

quarta-feira, 14 de abril de 2010

Reacao a vacina da gripe suina

with 59 comentários
O Governo iniciou a campanha para vacinação dos grupos de risco de contrair a gripe suina, circulam na internet vários emails sobre a vacina. muitos são boatos. percebi que muitas pessoas comentaram que tiveram reação após tomar a vacina. você tomou a vacina? teve algum tipo de reação a vacina? algum efeito colateral?, os especialistas afirmam que a vacina é segura e não te efeitos colaterais graves Veja a matéria aqui



Você tomou a vacina? Dê seu comentário:

59 comentários:

  1. Anônimo disse...

    Senti muito incomodo no braço e um pouco de dor no corpo.

  2. GILCELIA FEITOSA disse...

    EU NÃO SENTI NADA,NEM MESMO O ARDOR COMUM QUE SENTIMOS QDO TOMAMOS INJEÇÃO.

  3. Lucélia Bella disse...

    Olá !!! Bom dia.
    Como eu ja estava um pouco
    gripada, fiquei três dias
    com muitas dores no corpo.
    Achei normal a reação.
    Quanto a dor no braço, todas as vezes que eu
    tomei vacinas, seja pra gripe, pra hepatite,ou pra qualquer outra prevenção, senti dor no braço.
    Temos que confiar na vacina,
    é a unica maneira de nos previnirmos de alguma doenças.
    Obrigada pelo espaço.

  4. kissdany disse...

    Eu tomei a vacina e não senti nenhum incômodo, é só boato que faz mal!

  5. GLEIDE disse...

    Tomei a vacina e sentí muita dor de cabeça, moleza e dor no corpo. Fiquei de cama por dois dias. Nada tomei e os sintomas desapareceram.

    Gleide, Rio Branco/AC.

  6. Anônimo disse...

    TOMEI A VACINA E SENTI O MESMO QUANDO SE TOMA QUALQUER OUTRA,APENAS O BRAÇO DOLORIDO...ISSO É NORMAL,PODEM TOMAR SEM MEDO.É MELHOR SENTIR ESSA DORZINHA DO QUE UMA GRIPE COM O CAMINHO PARA A MORTE...

  7. Roginete disse...

    Eu tomei a vacina e só senti dor no braço do lado onde tomei a vacina, isso tbm foi passageiro durou só 1 dia.

  8. Anônimo disse...

    Meus filhos gëmeos de 12 anos tomaram sentiram muita dor no corpo e febre com 40%. Fiquei assustada.. obgada. Santos

  9. Anônimo disse...

    Olá, tomei a vacina e não tive nenhuma reação..nem mesmo dor no braço. Tem muita gente deixando de tomar com medo de reações...genteeee melhor se previnir agora, independente se der ou não reação ;)

  10. Anônimo disse...

    Tomei a vacina e no dia seguinte sentir todos os sintomas de gripe forte, febre, dores no corpo todo.

  11. Anônimo disse...

    Porque deixaram de lado a preocupação com a Dengue ?
    Morreram e estão morrendo muito mais pessoas de dengue,do que por essa gripe,chamada suína.
    Você já parou para pensar ? Pesquisou sobre a vacina? Seus componentes e que testes que foram feitos ou não ? Para se ter certeza dos efeitos benéficos de um remédio ou de uma vacina o resultado não é encontrada do dia para noite. Quanto tempo se levou para saber se ela é ou não eficiente ou prejucial à saúde ? Boa sorte!

  12. Marly Cramer disse...

    Bom Dia
    Quero deixar minha contribuição, vale a pena assistir ao vídeo, tmb recebi por email.
    http://www.vimeo.com/7965935

    O vídeo apresenta uma entrevista com TERESA FORCADES, doutora em Saúde Pública, faz uma reflexão sobre a história da GRIPE A, dando informações científicas e enumerando as irregularidades envolvidas no assunto.

    Explica as consequências da declaração de PANDEMIA e suas implicações políticas. Além disso, faz uma proposta para manter a calma, convocando-nos a ativar urgentemente os mecanismos legais e de participação cidadã relacionados ao tema.

  13. Anônimo disse...

    Estou grávida e tomei a vacina, não tive nemhuma reação.

  14. Fernanda disse...

    Minhas 3 filhas e minha mãe já tomaram e só reclamaram de uma dorzinha no braço no dia que foi aplicada.

  15. stefany disse...

    na~senti nada, só acho que deveriam de dar mais atenção para as outras doenças ,como a dengue, pois morrem mas pessoas e ninguem faz nada.

  16. Zilda Santiago disse...

    Assisti toda entrevista do Ministro da Saúde no Jô,onde foram passadas as informações corretas.Quem tem algum sintoma gripal,não é pela vacina,mas que já estava predisposto para tal.Minha filha tem asma alérgica,tomor e não sentiu nada.Os empregados aqui na granja tb to,aram e nada sentiram.Os email na net são dos terrorista e pessimistas que fazem política assim,falando mal do que está sendo feito em benefício do próprio povo.Para tirar tirar dúvidas destes e outra pulhas da net visite:www.quatrocantos.com.br
    Sempre tem alguém para reclamar de alguma coisa...

  17. Anônimo disse...

    tomei a vacina no primeiro dia da campanha ,no dia seguinte levei minha netinha ,de um ano não tivemos nenhuma reação,peço para todas as vovós tomarem ,a vacina e levarem seus netinhos para serem vacinados,para os bebes esta sendo ministrada tambem a vacina contra pneunonia

  18. claus disse...

    uma puta dor no braço e febre

  19. Karla disse...

    Minha família toda (eu, meu marido, meus filhos gêmeos de 11 anos e minha sogra de 72anos) ninguém teve reação alguma. Vale muito mais prevenir do que se arriscar a pegar a gripe e enfrentar as consequencias.

  20. Comunicação disse...

    Anônimo,
    A dor muscular no local da aplicação da vacina é comum, não se preocupe. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), os principais efeitos colaterais da vacina são dores de cabeça, nos músculos e articulações e febre. São sintomas leves, que devem durar cerca de dois dias. Em casos mais raros, pode haver reação alérgica.

    Att,
    Ministério da Saúde
    fernanda.scavacini@saude.gov.br

  21. Comunicação disse...

    Lucélia,
    O Ministério da Saúde não recomenda que pessoas gripadas ou resfriadas sejam vacinadas. Efeitos colaterais após a imunização contra Influenza H1N1 são esperados. Dores de cabeça, dor no corpo, febre são exemplos deles. No entanto, caso tais efeitos se agravem ou se prolonguem é importante procurar uma unidade de saúde.
    A vacina contra Influenza H1N1 é segura. Ela foi devidamente testada. Antes de ser aplicada aqui no Brasil, esta vacina já foi utilizada em mais de 300 milhões de pessoas no Hemisfério Norte, sem efeitos colaterais graves.

    Att,
    Ministério da Saúde
    fernanda.scavacini@saude.gov.br

  22. Comunicação disse...

    Kissdany,
    Parabéns pela sua atitude. Dessa maneira, você está ajudando o Brasil na luta contra a Influenza H1N1. Que seu exemplo seja seguido por todos. A vacina é segura, e protege a população. O Ministério da Saúde está tomando todas as providência para impedir o avanço da Influenza H1N1 no Brasil, mas para isso é preciso a compreensão e ajuda de todos.
    Att,
    Ministério da Saúde
    fernanda.scavacini@saude.gov.br

  23. Comunicação disse...

    Gleide,
    Efeitos colaterais após a imunização contra Influenza H1N1 são esperados. Dores de cabeça, dor no corpo, febre são exemplos deles. No entanto, caso tais efeitos se agravem ou se prolonguem é importante procurar uma unidade de saúde.

    Att,
    Ministério da Saúde
    fernanda.scavacini@saude.gov.br

  24. Anônimo disse...

    NA HORA NÃO SENTI NADA, MAS DEPOIS COMEÇOU UMA DOR MUITO FORTE NO BRAÇO E AINDA DOÍ E TEM UM CAROÇO NO LUGAR DA VACINA.MAS TUDO BEM TEMOS QUE NOS CUIDAR

  25. Anônimo disse...

    olà. tomei a vacina e nao senti nenhum incomodo.

  26. Flavio Gabriel disse...

    Postado por Vivi...
    Por enquanto na minha casa só eu tomei a vacina.
    Tive dores no corpo como se estivesse com uma gripe forte, doía a nuca, pescoço, o local da aplicação e também tive dor de cabeça. Ja o bebê da minha amiga que tem, 1 ano e meio, ja está 7 dias sem conseguir andar.Ela ja o levou no pediatra ele fez alguns exames e disse que esta tudo bem e que é para ela aguardar, pois ele ainda esta sentindo dores muscular. A aplicação nas crianças é feita na perna esquerda, se não me engano e para ajudar ele tomou da meningite na outra perniha...

  27. Anônimo disse...

    Eu tomei,passei dois dias de cama, não tive febre, senti muita dor no corpo, taquicardia e a pressão subiu, tomei os remédios e já estou bem melhor. Os sintomas já eram esperados, o melhor mesmo é prevenir, pois convivo com muita gente.

  28. Ministério da saúde disse...

    Anônimo,
    Parabéns pela sua atitude. Dessa maneira, você está ajudando o Brasil na luta contra a Influenza H1N1. A vacina é segura, e protege a população. O Ministério da Saúde está tomando todas as providência para impedir o avanço da Influenza H1N1 no Brasil, mas para isso é preciso a compreensão e ajuda de todos.
    Att,
    Ministério da Saúde
    fernanda.scavacini@saude.gov.br

  29. Ministério da saúde disse...

    Roginete,
    A dor muscular no local da aplicação da vacina é comum. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), os principais efeitos colaterais da vacina são dores de cabeça, nos músculos e articulações e febre. São sintomas leves, que devem durar cerca de dois dias. Em casos mais raros, pode haver reação alérgica.

    Att,
    Ministério da Saúde
    fernanda.scavacini@saude.gov.br

  30. Ministério da saúde disse...

    Anônimo,
    Efeitos colaterais após a imunização contra Influenza H1N1 são esperados. Dores de cabeça, dor no corpo, febre são exemplos deles. No entanto, caso tais efeitos se agravem ou se prolonguem é importante procurar uma unidade de saúde.
    Att,
    Ministério da Saúde
    fernanda.scavacini@saude.gov.br

  31. Cida Massi disse...

    Olá bom dia!!

    Eu estou fazendo tratamento de um CANCER de mama , tomei a vacina e não deu nenhuma reação.. naõ senti nada só o braço ficou um pouco dolorido..mas acho que é normal ..
    ´
    Portanto podem tomar a vacina .. não fiquem com medo.

    Maria Aparecida Massi

  32. Ministério da saúde disse...

    Marly,
    A Vacina é segura, e protege a população. No Hemisfério Norte, mais de 300 milhões de pessoas foram vacinadas, e não houve nenhum registro de complicação provocada pela vacina. No Brasil, já foram vacinados os profissionais de saúde, os indígenas e boa parte das crianças de 6 meses a dois anos, gestantes e portadores de doenças crônicas. Também não houve nenhum caso de complicação.
    Não podemos colocar em risco a saúde pública tendo como base boatos e teorias irresponsáveis.
    O Ministério da Saúde divulgou nota esclarecendo os boatos e teorias que circula na internet sobre a vacina Influenza H1N1. Para acessa o documento, clique no seguinte link: http://portal.saude.gov.br/portal/arquivos/pdf/nota_de_esclarecimentos_de_boatos_ms_24_03.pdf .

    Att,
    Ministério da Saúde
    fernanda.scavacini@saude.gov.br

  33. Ministério da saúde disse...

    Anônimo,
    A vacina para a gestante não apresenta risco à mãe ou ao feto. Pode haver, como para qualquer outra pessoa, efeitos colaterais como febre, dores de cabeça e musculares ou, em casos mais graves, reação alérgica.

    Att,
    Ministério da Saúde
    fernanda.scavacini@saude.gov.br

  34. Ministério da saúde disse...

    Fernanda,
    Parabéns pela sua atitude. Dessa maneira, você está ajudando o Brasil na luta contra a Influenza H1N1. A dor muscular no local da aplicação da vacina é comum, não se preocupe. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), os principais efeitos colaterais da vacina são dores de cabeça, nos músculos e articulações e febre. São sintomas leves, que devem durar cerca de dois dias. Em casos mais raros, pode haver reação alérgica.

    Att,
    Ministério da Saúde
    fernanda.scavacini@saude.gov.br

  35. Ministério da saúde disse...

    Zilda,
    Em todas as campanhas de vacinação, realizadas pelo mundo, surgem teorias de que estas imunizações causam sérios danos ou até morte. Porém, estes fatos não são verdadeiros. Nosso país tem tradição em campanhas de vacinação. Já erradicou doenças e diminuiu os danos causados por muitas outras. A vacina é justamente para ajudar a diminuir os males provocados por um vírus que matou milhares de pessoas pelo mundo e, centenas no Brasil. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), os principais efeitos colaterais da vacina são dores de cabeça, nos músculos e articulações e febre. São sintomas leves, que devem durar cerca de dois dias. Em casos mais raros, pode haver reação alérgica.

    Att,
    Ministério da Saúde
    fernanda.scavacini@saude.gov.br

  36. Ministério da saúde disse...

    Anônimo,
    Parabéns pela sua atitude, é dessa maneira que vamos proteger as crianças do Brasil. que seu exemplo seja seguido por todos. A vacina é segura, e protege a população. O Ministério da Saúde está tomando todas as providência para impedir o avanço da Influenza H1N1 no Brasil, mas para isso é preciso a compreensão e ajuda de todos.
    Att,
    Ministério da Saúde
    fernanda.scavacini@saude.gov.br

  37. Ministério da saúde disse...

    Claus,
    Efeitos colaterais após a imunização contra Influenza H1N1 são esperados. Dores de cabeça, dor no corpo, febre são exemplos deles. No entanto, caso tais efeitos se agravem ou se prolonguem é importante procurar uma unidade de saúde.

    Att,
    Ministério da Saúde
    fernanda.scavacini@saude.gov.br

  38. Ministério da saúde disse...

    Karla,
    Parabéns pela sua atitude. Dessa maneira, você está ajudando o Brasil na luta contra a Influenza H1N1. Que seu exemplo seja seguido por todos. A vacina é segura, e protege a população. O Ministério da Saúde está tomando todas as providência para impedir que o avanço da Influenza H1N1 no Brasil, mas para isso é preciso a compreensão e ajuda de todos.

    Att,
    Ministério da Saúde
    fernanda.scavacini@saude.gov.br

  39. Ministério da saúde disse...

    Maria Aparecida,
    A dor muscular no local da aplicação da vacina é comum, não se preocupe. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), os principais efeitos colaterais da vacina são dores de cabeça, nos músculos e articulações e febre. São sintomas leves, que devem durar cerca de dois dias. Em casos mais raros, pode haver reação alérgica.
    Att,
    Ministério da Saúde
    fernanda.scavacini@saude.gov.br

  40. Anônimo disse...

    Fernanda (ministerio da saude),
    Por que o Ministerio da saude não enviou nenhum material para a classe medica sobre o influenza A ou mesmo sobre a vacina como é feito com outras doenças como a dengue, AIDS, rubeola congenita, hepatite...
    Em toda campanha de vacinação para estas doenças recebi material informativo para poder orientar minhas pacientes quanto as duvidas, reações, efeitos colaterais, contra-indicações.
    Mandei email para o ministerio da saude, secretaria de saude e não recebi nenhuma resposta.
    Obrigada,
    Ana

  41. marcia disse...

    tomei a vacina so senti dor no braço no segundia depois sumiu

  42. Anônimo disse...

    oi essa vacina é muito perigosa tem gente que morreram por causa dela poriço não vou tomar a vacina to fora.

  43. claudia disse...

    eu tenho uma amiga que está na bera da morte porque tomou essa porcaria da vacina eu mesmo que não vou tomar essa vacina é muito forte ná todo mundo que se dar bem ok boa sorte pra vcs.

  44. eliana coelho disse...

    TOMEI A VACINA;MEUS FILHOS DE 1ANO E 8 MESES E O DE 20 ANOS, ESTAMOS MUITO BEM. EU SÓ GOSTARIA DE SABER, SE OS FILHOS DE DEPUTADOS OU OS PRÓPRIOS DEPUTADOS, GOVERNADORES E FILHOS, DENTRO DAS IDADES TOMARAM ESSA VACINA?E O MINISTRO DA SAÚDE E SEUS PARENTES TOMARAM ESSA VACINA?QUEM SOUBER ME DIGA.TAMBOARA PARANÁ

  45. Ed.Oliveira disse...

    Não tomei a vacina e não pretendo tomá-la, aqui no Brasil as noticias são mínimas, o q deveríamos fazer era uma pesquisa sobre o assunto já que a internet se tornou o maior meio de informações do mundo, nela vc consegui informações até em vídeos.

    Agora eu pergunto:

    Como conseguiram o antídoto contra essa gripe de forma tão rápida??
    Já se fala da gripe aviária que ainda é um perigo mundial!!
    Pq nos Estados Unidos e outros países estão se recusando a tomar a vacina?
    E até seus criadores estão se recusando a tomá-la. Será que isto não é estranho com as atitudes de quem a criou?

    Meus amigos vamos nos informar mas, estamos sendo cobaias para uma futura guerra biológica.

    Pense nisto!!!

    Deus abençoe a todos!!!

  46. Ed.Oliveira disse...

    Nem vai receber resposta nenhuma Fernanda, essa vacina não mata instantaneamente e sim aos pouco, ela vai abrir as portas para que as pessoas absorvam mas doenças e assim a vacina fica livre de qualquer culpa, estamos prestes a testemunhar um gigantesco GENOCIODIO, Deus tenha misericórdia de nós!!!

  47. Anônimo disse...

    TOMEI A VACINA PORQUE TENHO MUITA ALERGIA A PO , ACARO E TAMBEM TENHO MUITA SINUSITE,, TOMEI A VACINA E NÃO TIVE REAÇÃO NENHUMA,, NEM MESMO UMA DORZINHA NO BRAÇO.. ESTOU MUITO FELIZ POIS ESTOU LIVRE DESSA GRIPE DO PORCO, MINHA FILHA T TOMOU E SENTIU APENAS UM POUCO DE DOR NO BRAÇO,, PARABENS AOS NOSSOS GOVERNANTES PARA ESSA IDEIAA.. APENAS ACHEI QUE ESSA VACINA DEVERIA TER SIDO PRA TODOS,, PORQUE NÃO FOI??? SE E UMA COISA TÃO BOA.. BJOS PRA TODOS DAQUI E QUE DEUS NOS ABENÇOE COM SEU AMOR..... FUIIIIIIIIII.

  48. Anônimo disse...

    tomei a vacina na quinta, ate sabado estava com muita dor no braço, fiquei na base do tylenol pois tbem sentia molesa, dor de cabeça, variações intestinais. hoje é segunda-feira e ainda não to 100%, com dor de cabeça. o que faço?

  49. Ministério da saúde disse...

    Ana,
    Primeiramente, obrigado por querer entrar nessa campanha conosco!
    Para ser um parceiro, acesse o seguinte link no site de Influenza:http://www.vacinacaoinfluenza.com.br/site/conteudo/parcerias.asp
    Também disponibilizamos material de campanha para download no seguinte link:
    http://www.vacinacaoinfluenza.com.br/site/conteudo/campanha.asp

    Mais informações:
    fernanda.scavacini@saude.gov.br

    Atenciosamente,
    Ministério da Saúde

  50. Ministério da saúde disse...

    Márcia,

    Parabéns pela sua atitude. Dessa maneira, você está ajudando o Brasil na luta contra a Influenza H1N1.
    É importante que você saiba que o corpo demora em média de 2 a 3 semanas para criar imunidade contra a doença após a aplicação da vacina.

    Mais informações;
    fernanda.scavacini@saude.gov.br

    Atenciosamente,
    Ministério da Saúde

  51. Ministério da saúde disse...

    Anônimo,
    A vacina contra Influenza H1N1 é segura. Ela foi devidamente testada. Antes de ser aplicada aqui no Brasil, esta vacina já foi utilizada em mais de 300 milhões de pessoas no Hemisfério Norte, sem efeitos colaterais graves.

    Mais informações:
    fernanda.scavacini@saude.gov.br

    Atenciosamente,
    Ministério da Saúde

  52. Ministério da saúde disse...

    Claudia,

    Não podemos associar todas as manifestações que ocorrem com uma pessoa como procedentes da vacina. Casos como esse são devidamente investigados para averiguar realmente a ligação de reações como esta, com a vacina Influenza H1N1.

    É importante lembrar que no Brasil e em outros países já foram vacinadas milhares de pessoas, e até o momento não existe nenhum relato comprovado de complicações provocada pela vacina.

    O Ministério da Saúde alerta que pessoas gripadas e com febre NÂO devem ser vacinadas, até que o seu estado clínico esteja melhor.

    Mais informações:
    fernanda.scavacini@saude.gov.br

    Atenciosamente,
    Ministério da Saúde

  53. Ministério da saúde disse...

    Eliana,

    Somente serão vacinados aquelas pessoas que estão no grupo de risco. O Ministro da Saúde não será vacinado na rede pública, pois não faz parte de nenhum grupo prioritário.

    Mais informações:
    fernanda.scavacini@saude.gov.br

    Atenciosamente,
    Ministério da Saúde

  54. Ministério da saúde disse...

    Ed.Oliveira,
    Os laboratórios apenas investiram em tecnologia num processo de preparação para a produção de uma vacina para a prevenção do vírus pandêmico (H1N1) 2009. O Brasil, por exemplo, fez investimentos na adequação do processo de produção pelo Instituto Butantan. Dessa maneira, a experiência já existia, e por isso ficou mais fácil a criação da vacina contra o vírus Influenza H1N1.

    A vacina é segura, milhões de brasileiros já foram vacinados e não há nenhum caso de complicação por causa da vacina.

    Os boatos são irresponsáveis e tem como objetivo provocar o pânico na população.

    Mais informações:
    fernanda.scavacini@saude.gov.br

    Atenciosamente,
    Ministério da Saúde

  55. Rose Anne disse...

    Tomamos eu e meu filho a vacina no útimo dia 03 de maio e estamos ambos tendo reações. Eu tive febre e dores no corpo e de cabeça no dia seguinte. Ele teve febre e dor de cabeça. São reações típicas, que incomodam bastante, mas valem pelo risco de ter uma doença tão séria. Não me arrependo, mas acho que deveria ser mais divulgado o quadro de reações, que segundo vejo são frequentes, para as pessoas não se assustarem. Acredito que não divulgam para não espalhar temor e as pessoas deixarem de se vacinar... É uma pena.

  56. Comunicação disse...

    Anônimo,
    A dor muscular no local da aplicação da vacina é comum. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), os principais efeitos colaterais da vacina são dores de cabeça, nos músculos e articulações e febre. São sintomas leves, que devem durar cerca de dois dias. Em casos mais raros, pode haver reação alérgica.

    Att,
    Ministério da Saúde
    fernanda.scavacini@saude.gov.br

  57. Ministério da saúde disse...

    Gilcelia Feitosa,
    Parabéns pela sua atitude. Dessa maneira, você está ajudando o Brasil na luta contra a Influenza H1N1. A vacina é segura, e protege a população. O Ministério da Saúde está tomando todas as providência para impedir o avanço da Influenza H1N1 no Brasil, mas para isso é preciso a compreensão e ajuda de todos.

    Att,
    Ministério da Saúde
    fernanda.scavacini@saude.gov.br

  58. Ministério da saúde disse...

    kissdany
    Parabéns pela sua atitude. Dessa maneira, você está ajudando o Brasil na luta contra a Influenza H1N1. A vacina contra Influenza H1N1 é segura. Ela foi devidamente testada. Antes de ser aplicada aqui no Brasil, esta vacina já foi utilizada em mais de 300 milhões de pessoas no Hemisfério Norte, sem efeitos colaterais graves.

    Att,
    Ministério da Saúde
    fernanda.scavacini@saude.gov.br

  59. Ministério da saúde disse...

    Rose Anne,
    Efeitos colaterais após a imunização contra Influenza H1N1 são esperados. Dores de cabeça, dor no corpo, febre são exemplos deles. No entanto, caso tais efeitos se agravem ou se prolonguem é importante procurar uma unidade de saúde.

    Att,
    Ministério da Saúde
    fernanda.scavacini@saude.gov.br

Postar um comentário

Obrigado pelo comentário. Volte sempre!