MENU

quarta-feira, 24 de março de 2010

O POVO DO REINO É O SAL DA TERRA (jr)

with 0 comentários
Referência bíblica

Mateus 5:13 - Vós sois o sal da terra; mas se o sal se tornar insípido, com o que será salgada? Não serve para mais nada, a não ser para ser lançado fora no monturo e pisado pelos homens.

Texto Explicativo

Quando as Escrituras nos dizem que os cristãos são o da terra, isso significa que os cristãos exercem influência sobre a terra criada por Deus a fim de impedi-la que se deteriore cada vez mais. A terra, que foi criada por Deus, entrou numa situação de queda após o pecado da humanidade no inicio da criação. Isso denota que a terra foi danificada e corrompeu-se em todos os sentidos. É exatamente aqui que entra a função do sal descrito nos versículos acima referidos: “vós sois o sal da terra”. O sal tem a função de matar os germes que causam deterioração (apodrecimento). Qualquer médico poderia dizer-nos que o sal tem a função de matar os micróbios e impedir a podridão; ou, ainda num estado inicial, de preservar as coisas em uma condição original. Portanto, mediante sua função aniquiladora e preservadora, os cristãos, como o sal, têm a função de preservar a terra de ser mais danificada. Portanto, para a terra em corrupção, o povo do reino dos céus é o elemento que preserva a terra, impedindo-a de ser totalmente corrompida.

Porém, do lado negativo, o sal pode tornar-se insípido como diz no texto em referência. Tornar-se insípido significa perder o sabor e a função de salgar. Se o povo do reino se torna insípido, isto significa que este povo tornou-se em pessoas comuns da terra; um povo terreno, sem Deus e sem nada que o distinga dos demais. Eles pensam como os demais e agem como tal. Tornar-se insípido é perder a distinção que existe entre nós e a gente mundana. É como ser iguais às pessoas do mundo no que tange ao nosso comportamento e o temor a Deus.

Um cristão que se torna um sal insípido não tem qualquer função nas mãos de Deus. Por conseguinte, Deus não tem como preservá-lo também de muitas conseqüências. Daí a razão pela qual tais pessoas não têm outro destino senão serem lançados fora, e serem pisadas pelos homens. Ser lançado fora significa tornar-se inútil nas mãos de Deus e ser colocado fora da edificação. Ser pisado pelos homens indica que, ao sair a procura de outras coisas (sem valor espiritual), deparam-se com a ordem comum: a ambição, competição e traição dos homens. No mundo, as pessoas pisam umas sobre as outras para conquistar aquilo que desejam, enquanto no reino o Senhor concede aos seus filhos enquanto estes dormem. Todos nós temos uma função espiritual que precisa ser diariamente alimentada pela oração e pela Palavra da vida. Graça a Deus pelo sal que tem sabor! E a maneira de buscar o sabor perdido é não conformarmos mais com este mundo e ainda buscar continuamente o nosso crescimento em vida - o crescimento espiritual.
 
Ser crente até o diabo é, más ser "CRISTÃO''é muito diferente!!!
 
Pedro Augusto

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigado pelo comentário. Volte sempre!