Uma Mulher Influente

Uma Mulher Influente Nos primeiros anos da Reforma Protestante na Europa, a ex-freira Katharina von Bora se casou com Martinho Lutero em 1565. De acordo com a opinião geral, os dois tinham uma alegre vida de casados. Lutero disse: “Não há na terra laço tão doce, nem separação tão amarga, quanto num bom casamento”. Como Katharina levantava-se às quatro horas da manhã para cuidar de suas responsabilidades, Lutero se referia a ela como a “estrela da manhã de Wittenberg”. Ela era diligente em cuidar da horta e do pomar. Também administrava os negócios, a casa e as terras da família. Com o tempo, o casal teve seis filhos, e Katharina sentia que o lar era uma escola para o desenvolvimento do caráter deles. Sua energética laboriosidade e cuidado pela família a tornaram uma mulher de influência. Katharina parece ter sido uma mulher como aquela descrita em Provérbios 31. Ela era realmente uma esposa vitoriosa que se levantava “… quando ainda [era] noite” e dava “… mantimento à sua casa…” (Provérbios 31:15). Ela também atendia “… ao bom andamento da sua casa e não [comia] o pão da preguiça” (Provérbios 31:27). A partir de modelos como Katharina, podemos aprender sobre o amor, a diligência e o temor do Senhor necessários para ser uma mulher influente. FONTE: H. Dennis Fischer

copyright © . all rights reserved. designed by Color and Code

grid layout coding by helpblogger.com