Amigo do bom tempo muda-se com o vento.

“Amigo do bom tempo muda-se com o vento.”

       Quem tem um amigo tem um tesouro. É o que dizem os antigos. É um dito da Bíblia até. É um fato, pois quem não precisa de um ombro para apoiar-se vez por outra na vida? Mas... e os não tão amigos? Os meio-amigos? Os falsos amigos?
       Na verdade, será sempre nas horas difíceis que conheceremos nossos verdadeiros amigos. Eles estarão presentes, com sua ternura e solidariedade incondicional, enquanto os outros... Os outros arranjarão desculpas como falta de tempo, de recursos, de jeito etc.
       Um bom amigo é como uma boa árvore, que deve ser cuidada com carinho e dedicação.
       Não que a verdadeira amizade exija alguma coisa para existir, mas que ela, como tudo o mais na vida, precisa de algo que a sustente.
       É por isso que o abraço, o aperto de mão, a carta, o telefonema ou mesmo o recado, darão o sustento necessário para que o campo do amor fraterno não fique ressequido e improdutivo.
(De “Dia a Dia – Conceitos para viver melhor”, de Paulo R. Santos)
0

copyright © . all rights reserved. designed by Color and Code

grid layout coding by helpblogger.com