INDESTRUTÍVEL


INDESTRUTÍVEL
A pesar de que as suas responsabilidades e obrigações são mesmo reais e o pressionam com tremenda intensidade, elas jamais poderão destruí-lo porque, ao assumir a sua responsabilidade, você se coloca em posição de controle.

Apesar dos problemas darem a indicação de que nunca irão acabar, eles jamais poderão destruí-lo porque é atravessando os problemas que você estará se dirigindo a todo vapor em direção ao seu sonho.

Apesar das trevas estarem bem presentes ao seu redor, elas jamais poderão destruí-lo porque as trevas só fazem com que a luz que habita em você resplandeça ainda mais.
Para Meditação:
Não entre em pânico. Estou com você. Você não precisa ter medo, porque sou seu Deus. Vou dar forças a você. Eu o ajudarei.  Isaias 41:10 (Mensagem)

O Ódio Destrói


O Ódio Destrói

            O botânico George Washington Carver (1864-1943) superou um terrível preconceito racial para estabelecer-se como um renomado educador americano. Rejeitando a tentação de ceder à amargura pela maneira como foi tratado, Carver escreveu sabiamente: “O ódio interior acabará por destruir aquele que odeia”.
            No livro de Ester, vemos como o ódio pode ser autodestruidor. Mordecai, um judeu, se recusou a curvar-se diante de Hamã – que se atribuíra importância de dignitário na corte persa. Isso irritou Hamã, que manipulou informações para fazer Mordecai e seu povo parecerem ameaças ao império (Ester 3:8-9). Quando terminou de tecer suas intrigas, Hamã apelou ao rei persa para matar todos os judeus. O rei promulgou um decreto nesse sentido, mas, antes que ele pudesse ser cumprido, Ester interveio e o plano diabólico de Hamã foi revelado (Ester 7:1-6). Enfurecido, o rei executou Hamã na forca que o intriguista havia construído para Mordecai (Ester 7:7-10).
            As palavras de Carver e as ações de Hamã nos lembram de que o ódio é autodestruidor. A resposta bíblica é virar o ódio ao contrário e pagar o mal com o bem. “Não torneis a ninguém mal por mal…”, disse Paulo (Romanos 12:17). Quando ofendido, “não vos vingueis a vós mesmos…” (Romanos 12:19). Ao contrário, faça o bem perante todos os homens (Romanos 12:17), para viver em “… paz com todos os homens” (Romanos 12:18).

FONTE:
Dennis Fisher

Quem Você Quer Ser

Quem Você Quer Ser “Seja quem Deus quer que você seja e você incendiará o mundo”. O bispo de Londres iniciou sua mensagem ao príncipe William e Kate Middleton no casamento deles, na Abadia de Westminster, citando as palavras de Santa Catarina de Siena. Muitos telespectadores emocionaram-se profundamente quando o bispo validou a escolha de “serem casados sob o olhar de um Deus generoso que amou o mundo por nós na pessoa de Jesus Cristo”. Em seguida, ele pediu ao casal para lutar por um amor cuja essência está além do alcance deles. Do livro de Romanos 12, o irmão da noiva leu: “Rogo-vos, pois, irmãos, pelas misericórdias de Deus, que apresenteis o vosso corpo por sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso corpo por sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional. E não vos conformeis com este século, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que experimenteis qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de Deus” (Romanos 12:1-2). Esse casamento real lembra a todos nós, solteiros ou casados, duas grandes verdades: (1) o grande amor de Deus por nós expressado no sacrifício de Jesus e (2) o desejo de Deus de que encontremos a maior alegria e transformação de vida em nosso relacionamento pessoal com Ele. Não são essas as chaves para nos tornarmos as pessoas que Deus quer que sejamos. FONTE: David C. McCasland

Fundo do Poço

Fundo do poço "Direi do SENHOR: Ele é o meu Deus, o meu refúgio, a minha fortaleza, e nele confiarei. Porque ele te livrará do laço do passarinheiro, e da peste perniciosa." Salmos 91.2;3 "Um fazendeiro, que lutava com muitas dificuldades, possuía alguns cavalos para ajudar nos trabalhos em sua pequena fazenda. Um dia, seu capataz veio trazer a notícia de que um dos cavalos havia caído num velho poço abandonado. O poço era muito profundo e seria extremamente difícil tirar o cavalo de lá. O fazendeiro foi rapidamente até o local do acidente, avaliou a situação, certificando-se que o animal não havia se machucado. Mas, pela dificuldade e alto custo para retirá-lo do fundo do poço, achou que não valia a pena investir na operação de resgate. Tomou, então, a difícil decisão: Determinou ao capataz que sacrificasse o animal jogando terra no poço até enterrá-lo, ali mesmo. E assim foi feito. Os empregados, comandados pelo capataz, começaram a lançar terra para dentro do buraco de forma a cobrir o cavalo. Mas, à medida que a terra caía em seu dorso, o animal a sacudia e ela ia se acumulando no fundo, possibilitando ao cavalo ir subindo. Logo os homens perceberam que o cavalo não se deixava enterrar, mas, ao contrário, estava subindo à medida que a terra enchia o poço, até que, finalmente, conseguiu sair!... "Se você estiver lá embaixo", sentindo-se pouco valorizado, e quando, certos de seu desaparecimento, os outros jogarem sobre você a terra da incompreensão, da falta de oportunidade e de apoio, lembre-se do cavalo desta história e façamos a nossa parte para sair da dificuldade. Afinal, se permitimos chegar ao fundo do poço, só nos restam duas opções: ou nos servimos dele como ponto de apoio para o impulso que nos levará ao topo ou nos deixamos ficar ali até que a morte nos encontre. É importante que, se estamos nos sentido soterrar, sacudamos a terra e aproveitemos para subir. Ademais em todas as situações difíceis que enfrentamos na vida, temos o apoio incondicional de Deus, do qual podemos nos aproximar através da oração Desconheço o autor

copyright © . all rights reserved. designed by Color and Code

grid layout coding by helpblogger.com