MENU

terça-feira, 11 de outubro de 2011


Ser criança é ...

Ser criança é... criar um mundo só seu, cheio de fantasias, inocência e pureza.
É gostar de guloseimas e se lambuzar ao comer algodão doce,
 pirulito e chocolate.
Ser criança é... gostar de bicicleta, boneca, carrinho e bichinhos de pelúcia.
É conversar com o animal de estimação e confidenciar o que sente no coração.
Ser criança é...contar os dias para o aniversário, para o natal...
e esperar os presentes do papai Noel.
É comer pipoca, jogar vídeo game, ver televisão,
sem se preocupar com o amanhã.
Ser criança é... brincar de se esconder, de gata cega,
de amarelinha e de se pegar.
É subir em árvores, se esconder atrás da porta e fazer traquinagens.
Ser criança é...deixar as tarefas escolares para depois ou para o dia seguinte.
É chegar da escola, jogar a mochila em qualquer lugar
 e sair correndo para brincar.
Ser criança é... é não enxergar o perigo e muitas vezes se machucar.
É chorar sem saber porque, mas também é amar, sorrir e cantar.
Ser criança... é fazer birra para conseguir o que quer.
É correr, pular e falar o que pensa, sem pensar nas conseqüências.
Ser criança é... depois de um dia cheio de atividades, adormecer feito um anjo,
tendo a segurança de que os pais estão do seu lado,
 para cuidá-la, protegê-la e amá-la.

“A criança mostra o que é pelo que faz, pelos seus atos a gente
pode saber se ela é honesta e boa “.
(Pv 20,11)

Rosemary de Ross
Pato Branco - Paraná.